Voltar à primeira página

Academia

Sub 14 M vencem na Póvoa de Lanhoso

14 de novembro de 2018
Os sub 14 M mostraram mais uma vez que a diferença para alguns dos adversários é muito grande, a experiência da equipa é demonstrada jogo após jogo. Na Póvoa de Lanhoso com o Sport Clube Maria da Fonte a equipa entrou determinada e rapidamente fugiu no marcador, o que permitiu depois ao treinador colocar em campo os mais jovens e menos experientes da equipa de modo a poderem ter mais minutos de competição. No final o marcador registava 16-90.
Sub 16 M jogou com o líder

Os sub 16 M deslocaram-se a Monção para jogar com a equipa que competitivamente estará mais próxima da ATC e o jogo foi sempre muito equilibrado, com alternâncias no marcador e direito a prolongamento. A equipa do Monção Basket Clube começou melhor e fez um parcial de 14-2, com a equipa da ATC perdida no campo a não conseguir responder às dificuldades colocadas pela defesa adversária e no ataque a precipitação foi imensa. O treinador parou o jogo, chamou atenção dos atletas e conseguiu até final do primeiro período diminuir a desvantagem para 8 pontos. No segundo período a ATC passou equilibrou o marcador e as equipas foram alternando na frente do marcador. Na segunda parte, o terceiro período foi em tudo idêntico ao segundo, as equipas iam marcando ora uma, ora outra e a liderança no marcador foi-se alternando. No quarto período, a ATC conseguiu ganhar uma pequena vantagem de 6 pontos quando faltavam 4 minutos para terminar, vantagem que não conseguiu segurar e permitiu o empate a 6 segundos do final, 44-44. No prolongamento, a ATC não foi feliz, dispôs dos três primeiros lançamentos para passar para a frente, mas a bola não entrou, o adversário foi eficaz e os lançamentos que fizeram marcaram e venceram por 53-46.

Sub 19 F com jornada dupla

As sub 19 F deslocaram-se à casa do VSC na sexta à noite e no sábado à tarde receberam o SC Braga, dois jogos difíceis, em que a equipa apesar das limitações do plantel se bateu muito bem (2 atletas lesionadas). Com o VSC a equipa entrou um pouco temerosa e à procura dos ajustes nas posições por força das lesões, e permitiu um parcial de 27-8 no primeiro período. No segundo período, a equipa portou-se bem e esteve concentrada, ajustou-se bem e conseguiu manter a diferença no marcador, chegando ao intervalo com 45-23. A segunda parte iniciou igualmente bem, mantendo-se a diferença no marcador, mas com o cansaço das atletas da ATC a aparecer e com o plantel reduzido a diferença avolumou-se no marcador, ficando no final 95-33.

Com a equipa do SC Braga, a ATC teve uma primeira parte muito boa, conseguindo manter-se na discussão do resultado, com parciais de 13-17 e 17-18, chegaram ao intervalo a perder por 5 pontos. Que face ao jogo da véspera e às limitações do plantel era um resultado extremamente positivo e de orgulho pelo que estavam no campo a fazer as atletas da ATC. Na segunda metade, o cansaço apareceu e a diferença de ritmo imposta pelo adversário colocou um ponto final nas aspirações de discutir o resultado, parcial de 3-26 no terceiro período. No quarto período, foi possível equilibrar novamente o parcial, 6-13, mas claramente a questão física pesou na equipa, embora a exibição global tenha sido positiva.

Adicionar comentário

Receba as nossas novidades

Ao clicar no botão enviar, está a declarar que leu e aceita os termos da Política de Privacidade

Publicações Recentes
Inscrição no Caminho Inglês

2018-02-15 15:52:07

Programa do Caminho Inglês

2018-02-15 15:52:07

Guia Caminho Inglês

2018-02-15 15:52:07

Política de Privacidade

2018-05-22 15:37:22

Guia do Caminho de Roma

2016-11-14 13:14:37

Últimas Notícias
Certificado: n.o 2007/GEP 2970
Certificado: nº 2007/GEP 2970
DIRECÇÃO-GERAL DO EMPREGO E DAS RELAÇÕES DE TRABALHO
Instituto do Emprego e Formação Profissional
Autoridade para as Condições do Trabalho
Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres